Páginas

quinta-feira, 29 de junho de 2006

Pérolas

Eu sabia que havia uma razão forte para não simpatizar, implicar e detestar a Kátia Guerreiro. Há pouco num programa da Dois com o Ricardo Araújo Pereira, Carlos Coelho e a cantadeira, sobre o Orgulho Nacional, a mesma afirmou que "se o Salazar não fosse tão sisudo, não teria o sucesso que tem hoje."
Depois do edil viseense ontem, nada como esta pérola como sobremesa do almoço, isto para não falar das afirmações do pároco de Santa Comba Dão, essa bela localidade, relativamente ao assassino em série da terra.
Que venha o futebol já. Tragam-me o Figo às turras com o outro, tragam-me a Pauleta a dar na corneta dos ingleses, tragam-me o Cristiano Ronaldo a chorar, tragam-me o Costinha a meter a mão à bola, tragam-me o Deco a agarrar-se à bola, tragam-me até a Nossa Senhora do Caravaggio, mas por favor tirem-me deste país.

10 comentários:

  1. Não tiramos que depois tinhamos saudades tuas :)

    ResponderEliminar
  2. E eu vossas :)
    Mas há gente sem explicação...

    ResponderEliminar
  3. Ó Leonor....
    quem é a Kátia Guerreiro???

    desculpa...não faço ideia quem é a sra!

    ResponderEliminar
  4. É uma cantora de fado de nova geração. É médica e foi uma das caras mais conhecidas de apoio à candidatura de Cavaco Silva. Julgo que terá sido mandatária também.

    ResponderEliminar
  5. a cantora até é boa cantora... mas realmente não havia necessidade :) será que ela estava a falar a sério?? é quase inacreditável...
    é triste (...mas enfim ...viva a liberdade de expressão!)

    ResponderEliminar
  6. Olá intruso e bem-vindo:)
    A sorte é que estava acompanhada, se não nem acreditava bem no que ouvi.

    ResponderEliminar
  7. Vê lá tu que só assisti a uns 2 minutos desse programa e apanhei logo essa pérola. Também não gosto nada da Kátia Guerreiro: tem um nome piroso, não me atrai nada como fadista e não simpatizo minimante com a pessoa. Depois de hoje então nem se fala. E pronto, não resisto a perguntar: o que disse o padre de Santa Comba?

    ResponderEliminar
  8. Nem sabes como me descansas... é que às vezes até julgo que sou só eu que ouço/vejo disto. O Hélder também estava e confirmou, mas é sempre bom ter uma terceira certeza.
    O padre deu uma no cravo e outra na ferradura, argumentando que não se pode julgar assim as pessoas, blá, blá, blá... Hoje de manhã na revista de imprensa da SicNotícias falaram da crónica do Eduardo Prado Coelho no Público que mencionava as "desculpas" do padre.
    E quanto à Kátia Guerreiro, já avisei, se eu estiver doente, por favor, levem-me ao veterinário das minhas gatas, nunca a uma médica de cá do burgo e jamais à Kátia Guerreiro.

    ResponderEliminar
  9. Estou fora do momento para comentar, mas adorei o post da 'Placa da Pelada'.
    Beijos

    ResponderEliminar

Comments are welcome :-)