Páginas

terça-feira, 20 de novembro de 2007

Cheiro a puta

Desconheço de onde terá partido esta ideia do cheiro a puta. Não tendo cheirado nenhuma, não que me lembre ou que saiba, não sei de onde o fui buscar nem porque adoptei esta denominação. O Verão também cheira. Um perfume doce e cálido como um beijo no pescoço. O cheiro a puta é diferente. Trata-se daquele odor intenso, como por exemplo, pot pourri - que nojo- ou incenso de rosas - que porcaria-, um odor quente e incomodativo - que vómito-, sempre associado às rosas dos perfumes de gosto duvidoso- que grande nojo-. Entro no clube de vídeo, o cheiro pestilento do tabaco no ar e a observação de rompante Que cheiro! A rapariga, de cigarro na mão, arremessa-me um olhar interrogativo Cheira mal? Cheira a tabaco. No mesmo instante o cigarro apagado e a informação Deixa lá que a partir de Janeiro já não pode ser. Entretanto, o cheiro nauseabundo do tabaco num recinto fechado em dia de humidade copiosa intensificava-se. Mais um reparo E quanto mais para dentro, pior. A rapariga meio sem jeito, mas apenas meio. O outro meio estaria a chamar-me nomes pelas costas pela interrupção do cigarro prazenteiro e os remoques constantes, ou pela frente, uma vez que, perante o casaco semiaberto, olhou curiosa. Não, não estou grávida, afirmei, Sou mesmo assim, perdigueira. Na tentativa derradeira de me minorar o sofrimento, a rapariga refundiu-se atrás do balcão e soou entretanto o ruído fricativo de um ambientador. Três, quatro ou cinco baforadas e o odor repugnante pelo ar, esgueirando-se entre as caixas do DVDs até me atingir letalmente o olfacto. Disse-lhe Que horror! Que cheiro este! Ainda é pior! É melhor fumares. Espreitei lá para os lados da secção de filmes x-rated por via das dúvidas. O cheiro a puta tinha de vir de algum lugar.

10 comentários:

  1. Quer-me cá parecer que o número de visitantes vai aumentar significativamente ...

    ;D

    ResponderEliminar
  2. Oh, que coisa mais gira!!! Como é que tu consegues fazer a magia da escrita aonde quer que vás?... Hein?...
    :)

    ResponderEliminar
  3. É um prazer ler essas tuas crônicas.

    ResponderEliminar
  4. Os teus textos são fabulosos.
    Beijos

    ResponderEliminar
  5. Sim... não é cheiro que se encontre na mercearia...
    É mais coisa de clube de video!!!

    Lindo texto, mais uma vez :)

    ResponderEliminar
  6. Que mais dizer que o de cima? :)

    ResponderEliminar
  7. Obrigada a tod@s.

    Se estiver bem-disposta e com tempo acho que sou capaz de escrever sobre quase tudo ;-)

    ResponderEliminar
  8. Também odeio cheiros artificiais tipo "ambientador", como aqueles dos táxis e de alguns carros, mil vezes piores do que qualquer mau cheiro natural.
    E apesar de não me importar muito com o cheiro do tabaco (de gente a fumar perto de mim, porque eu não fumo), é horroroso o cheiro a "tabaco frio", ou "de véspera", que se entranha nos ambientes, no cabelo, nas roupas. Isso detesto.

    ResponderEliminar
  9. Odeio ambientaodores de spray :(

    ResponderEliminar

Comments are welcome :-)