Páginas

quinta-feira, 1 de março de 2012

Na paz dos deuses

Passei por aqui para ver se estava tudo bem. Espreitei pelo canto do post de porta entreaberta, uma nesga por onde se anteviam palavras morrinhando na acalmia da tarde. Os adjectivos estavam no lugar e nem as vírgulas se tinham mexido. Os pontos finais repousavam sossegados no canto do sofá. Levantaram um olho quando ouviram o meu restolhar. Tudo em ordem, pensei, quando me saiu uma metáfora ao caminho, cansada de o ser. Às vezes também me cansam as metáforas, explicações e jogos de cintura estilísticos. Antes que chovesse abri-lhe a porta. Voltará dentro em pouco. Ou talvez não. Tudo bem. Tinha passado aqui para ver se estava tudo bem. E estava.

4 comentários:

  1. Que arte no misturar, também, das palavras. Feeling poetry through every word.

    ResponderEliminar
  2. Generosidade tua, Fátima, isto é o que se escreve quando falta assunto :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Falta de assunto uma ova! Belo texto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :D Obrigada
      Bom fim-de-semana, Ivone.

      Eliminar

Comments are welcome :-)